Finalmente posso dizer que começou a segunda temporada de Grimm, afinal, o procedural desenvolvido no primeiro episódio foi resolvido nesse segundo, e enquanto o primeiro episódio foi morno, esse segundo foi sensacional, e me fez lembrar porque eu gosto dessa série.

Em The Kiss a história foi bem desenvolvida e a sua resolução foi convincente. Finalmente descobrimos que capitão Renard não é um humano qualquer e que ele faz parte de uma das famílias reais, e a mãe de Nick com certeza vai surpreende – lo em algum momento, acho aquela história dela com as moedas meio estranha. Hank não teve grande importância no episódio, Rosalee e Monroe, também não tiveram importância, e a história de Juliette finalmente teve um desfecho, que já era esperado, mas não da forma que aconteceu, agora Nick vai ter que conviver e procurar uma maneira de resolver a amnésia de Juliette.

Grimm teve um excelente episódio, espero que os seguintes sejam tão bons quanto esse.

Anúncios