O caso da semana de Grimm envolveu a tentativa de roubo a moedas com poderes, moedas essas que exerciam forte influência sobre quem as possuísse, e foram diversos os personagens que sofreram a influência delas, o capitão Renard, Parker, Griffin, sem falar nos bandidos, que eram seres mitológicos, que tentaram rouba – las.

Mas o que tornou o episódio realmente bom foi o desenvolvimento da história de Nick. Finalmente tivemos algumas explicações sobre o que ocorreu no passado com sua família, ponto para os roteiristas, já estava na hora de Grimm explorar mais a história de Nick e de sua família. O ponto negativo do episódio, mas que pode nem ser sentido por alguns porque a história do episódio se sustentou, foi a falta de Monroe no episódio, ele apareceu pouco e foi de certa forma importante, mas não tão importante como em alguns episódios em que ele teve grande destaque.

Nesse episódio ainda tivemos, o capitão Renard com certo destaque, Griffin também está tendo um destaque e Juliette ajudou Nick.

Num episódio em que Nick mais uma vez ficou na dúvida entre o que é mais importante, cumprir sua função policial ou agir como um Grimm, Grimm nos apresentou um bom caso da semana e a história de Nick finalmente foi desenvolvida, o que fez com que esse episódio se tornasse um dos melhores da série até agora.

Anúncios